Ruas mais seguras no Setor Habitacional Água Quente

Vias não pavimentadas da região receberam mais de 160 toneladas de materiais para nivelamento e compactação, minimizando os estragos das chuvas

Ruas mais seguras no Setor Habitacional Água Quente

O Setor Habitacional Água Quente, localizado a cerca de 45 km de distância do centro de Brasília, desde o último sábado (4) recebe reforço das equipes do GDF Presente para ações emergenciais de manutenção de vias da região que foram danificadas pelas intensas chuvas.

Até o momento, cerca de 80 toneladas de resíduos de construção civil (RCC) foram utilizadas para a manutenção de vias não pavimentadas do setor. Juntamente com o RCC, aproximadamente 80 toneladas de material fresado também foram utilizadas no serviço, ajudando na compactação do terreno.

“Na época das chuvas sempre há muitos problemas, mas agora o pessoal está fazendo um bom trabalho, tirando as erosões, vai ajudar muito”Mauro Matos, comerciante e morador de Água Quente

“O impacto das chuvas foi muito forte por aqui”, explica o coordenador do Polo Sul do GDF Presente, Carlos Alberto Silva. “Até as ruas pavimentadas tiveram alguns pedaços de asfalto arrancados, mas é principalmente nas vias não pavimentadas que estamos trabalhando mais.”

Outro local que também recebeu atenção foi o ponto de ônibus na beira da DF-280, rodovia que passa em frente a Água Quente e liga o DF a Santo Antônio do Descoberto (GO). Os operários do GDF Presente usaram cerca de 20 toneladas de material fresado para nivelar o terreno e impedir a ampliação de um assoreamento. O trabalho na região continua até a semana que vem.

Tapa-buracos

Trabalhos também contemplaram vias pavimentadas que foram prejudicadas pelas chuvas

Além de vias não pavimentadas, algumas ruas asfaltadas também receberam cuidados do GDF Presente, que convocou agentes do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) para auxiliar na operação tapa-buracos.

O comerciante Mauro Matos, 42 anos, mora na região há quase duas décadas e agradece pelo serviço que está sendo feito. “Na época das chuvas sempre há muitos problemas, mas agora o pessoal está fazendo um bom trabalho, tirando as erosões, vai ajudar muito”, afirma. Até o momento, cerca de 8 toneladas de massa asfáltica foram utilizadas.

O gerente de Água Quente (representante da Administração Regional do Recanto das Emas no local), Antônio Marcos de Araújo, ressalta o impacto que os serviços executados terão para os cerca de 25 mil moradores do setor: “Estava muito complicado para os carros passarem, para as pessoas esperarem um ônibus no abrigo. O GDF Presente nos ajuda a resolver esses problemas, e a comunidade está se sentindo bem, vendo que as cobranças estão sendo tratadas”.

Além dos trabalhos de manutenção nas vias, o Governo do Distrito Federal (GDF) marca presença na região com outras ações. Em outubro, o programa itinerante Sua Vida Vale Muito, da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), prestou cerca de dois mil atendimentos de saúde e bem-estar no local. Além disso, os estudantes do Centro Educacional (CED) Myriam Ervilha receberam, na própria escola, os cartões do Passe Livre Estudantil (PLE).

Qual é a sua reação?

like
0
dislike
0
love
0
funny
0
angry
0
sad
0
wow
0