AMA Brasília elege primeira-dama como presidente de honra

0
Aliança das Mulheres que Amam Brasília organizou evento especial no Palácio do Buriti

AGÊNCIA BRASÍLIA

Mayara Noronha recebeu o título durante uma comemoração ao Dia Internacional da Mulher / Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília

A primeira-dama do Distrito Federal, Mayara Noronha, será a presidente de honra da Aliança das Mulheres que Amam Brasília (AMA Brasília), um grupo que congrega lideranças femininas em prol da capital federal. O grupo se reuniu na tarde desta sexta-feira (29) no Palácio do Buriti, durante uma festa em comemoração ao Dia Internacional da Mulher.

“Nós nos propomos a cuidar de Brasília em três pilares: a valorização da mulher, a natureza e a cultura”, explicou Cosete Ramos, pioneira e fundadora da aliança, que promove uma série de ações sociais. Desde que foi criada, em junho de 2017, a AMA Brasília promoveu encontros do programa Educação para a Água que antecederam o 8º Fórum Mundial da Água, realizado no ano passado em Brasília.

O grupo também promove ações beneficentes, como a doação de uma cozinha industrial para um projeto que atende mulheres idosas na Estrutural, visando estimular o empoderamento e a geração de renda; a distribuição de 120 kits de beleza, com o objetivo de elevar a autoestima das mulheres mais carentes da cidade, além da doação de conjuntos de moletom para as mães da cidade. A aliança promove ainda uma ação para meninas em situação de risco (Projeto Viravida) e desenvolve o programa Educando Meninas com Amor.

Homenagens

Na comemoração do Dia Internacional da Mulher, as embaixatrizes (como são chamadas as integrantes da AMA Brasília) estavam vestidas com acessórios ou trajes típicos de outros países. Trajando roupas que homenageavam espanholas, italianas, árabes, alemãs e russas, elas assistiram a apresentações culturais de alunos do Centro de Ensino Fundamental 15 do Gama.

Com o tema “A mulher como obra de arte”, os alunos representaram dez quadros de pintores famosos mundialmente que retratavam mulheres. Entre as peças representadas, destacaram-se a célebre Mona Lisa (de Leonardo da Vinci), os autorretratos da pintora mexicana Frida Kahlo e as mulheres pintadas por Fernando Botero. Os estudantes também lembraram a pintora brasileira Tarsila do Amaral, um dos ícones da Semana de Arte Moderna de 1922.

A primeira-dama se disse honrada com o convite para ser presidente de honra da aliança e se comprometeu a trabalhar em favor das causas da AMA Brasília. “O amor por Brasília está no próprio nome. Aqui a gente encontra mulheres apaixonadas, e estou encantada com a atuação do grupo”, declarou.  “Unidas vamos mudar o mundo”, acrescentou Cosete Ramos. A esposa do vice-governador, Ana Paula Hoff, e a secretária da Mulher, Ericka Filippelli, também foram nomeadas embaixatrizes da AMA Brasília.

Em 18 meses de criação, a aliança reúne hoje quase 200 mulheres. Para fazer parte da AMA Brasília, é necessária a indicação de uma madrinha, ou seja, alguma embaixatriz que já faça parte do grupo. O requisito básico para integrar o grupo é ter uma história e uma atuação relevante para a construção da cidade em sua área de atuação.

Campartilhe.

Deixe Um Comentário

Facebook login by WP-FB-AutoConnect